sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

A questão treinador

Muito se tem visto, quer nas redes sociais, quer nos blogues azuis e brancos, pedidos contínuos para o despedimento de Lopetegui. Pessoalmente não sou muito apologista de despedimentos a meio da época porque sei que dificilmente resolverão alguma coisa.

Nos últimos três anos, o Porto nada ganhou. O comum aqui parece ser a escolha do treinador. Ao que parece e segundo a opinião generalizada de todos os Portistas, nem Paulo Fonseca nem Lopetegui estavam preparados para assumir o cargo de treinador da equipa principal. Então se durante três anos, e mais uma vez seguindo a opinião generalizada de todos os Portistas, os treinadores não serviam, de quem é no fundo a culpa? Será normal que nos últimos três anos se tenha investido como nunca se viu, sendo até sido preciso "roubar" metade do Estádio para a SAD (mais um ou dois anos ficará definitivamente o FC Porto, clube, sem Estádio) e não se tenha ganho qualquer troféu? Acham normal saber-se que iria haver contestação no aeroporto e o máximo responsável tenha decidido sair pela porta dos fundos?

A questão que fica é que passados tantos anos em que a escolha do treinador foi mal feita e a gestão financeira do clube tem sido ruinosa, pois por um lado impede que sejam mantidos os melhores jogadores e por outro faz com que se perca património do clube, não deveriam todos os Portistas começar a reflectir sobre o que realmente desejam para o FC Porto?

0 comentários:

Enviar um comentário