segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Mais que nunca: Unidos!

"A dor e a injustiça de ontem transformaremos em mais trabalho, mais força e mais união. #SomosPorto "

É com esta citação por parte do nosso treinador Nuno Espírito Santo que início o meu texto. Hoje todos nós portistas sentimentos dor e injustiça pelos acontecimentos de ontem à noite e que a muitos dificultaram a dormida e muitos outros fizeram de hoje um dia difícil de passar.

Ontem em pleno Estádio de Alvalade assistimos a algo que temos vindo a assistir com alguma frequência nos últimos anos. Um jogo onde a nossa equipa foi claramente prejudicada e empurrada por parte da equipa de arbitragem num campo inclinado, assistimos a um roubo de catedral, ou de Vaticano tamanha a atrocidade de tudo aquilo que se passou.

Não sou muito de me queixar de arbitragem, sou mais de olhar para aquilo que a equipa faz de bem e mal e de apontar erros que possamos melhorar, mas ontem não tenho nada a apontar. A equipa entrou muito bem no jogo e marcou bem cedo, mas as intervenções erráticas do árbitro tudo fizeram com que tal cenário mudasse e nos empurrasse. Decisões erradas atrás de decisões erradas, normais para a comunicação social e para a APAF, "Fez uma grande arbitragem", mas que todos nós e quem mais quis viram que de grande nada teve. Todo esse conjunto de decisões erradas que virou um resultado, que era até então traduzido vitória justa, para um resultado mentiroso. Ainda assim a nossa equipa não se rendeu e foi com muito orgulho que vi miúdos e graúdos a lutar do primeiro ao último minuto com o critério e a cabeça possível na altura, pois não é fácil estar 90 minutos a levar porrada e a passar por aquilo que estes nossos jogadores passaram e no estádio que era contra uma equipa experiente e bem trabalhada, por um resultado diferente. Não conseguimos, nem tão pouco sei se nos permitiriam conseguir e por isso sem dúvida que Tiago Martins fez uma grande arbitragem ou a arbitragem que muita gente queria que ele fizesse.

Como referi este tipo de cenários não é anormal, quem não se recorda do empate a dois no Estoril na época do Paulo Fonseca quando seguíamos só com vitórias no campeonato em que sofremos golos num penalty fora de área e num golo em fora do jogo? Ou a época que se seguiu com Julen ao leme, a época do colinho que foi das mais vergonhosas de que há memória no campeonato português onde fomos inclusivamente prejudicados neste mesmo estádio de ontem tendo ficado um penalty por assinalar a nosso favor nos momentos finais que provavelmente nos daria a vitória? A sucessão de erros contra a nossa equipa tem sido uma constante, ainda na jornada prévia ficou um penalty por assinalar logo aos cinco minutos por falta sobre Varela e nós adeptos, revoltados, mas serenos temos aceitado, temos exigido mais da equipa e muitas vezes esquecendo-nos de exigir a quem realmente tem que ser exigido.

Da minha parte digo basta. Basta de sermos ingénuos e anjinhos e está na altura de lutarmos pelo nosso clube. Vi ainda há pouco um vídeo de um adepto do Porto chamado de Hélder Rodrigues que fala um pouco de toda esta situação e que recomendo a consulta de todos os adeptos. 

Está na altura de mostrarmos a nossa força enquanto adeptos do Futebol Clube do Porto, mostrar que não andamos a dormir, mostrar a nossa revolta e lutar contra este assalto de que temos vindo a ser alvos nestes últimas épocas e que parece querer continuar. Não podemos aceitar mais isto e por isso apelo a todos os adeptos portistas que na próxima jornada diante do Vitória de Guimarães saiam de casa e encham o Estádio do Dragão, que demonstrem a nossa força, que demonstrem que estamos aqui para ficar e que lutaremos contra tudo e contra todos, comunicação social, comentadores desportivos, arbitragem, liga, quem quer que venha. Vamos demonstrar que estamos unidos, que não nos rendemos, que não nos calamos e que temos a força necessária para contornar esta situação. Invés de apontarmos armas aos nossos, temos que as apontar aos nossos inimigos. Os nossos jogadores e o nosso treinador já demonstraram que o merecem!

Somos Porto e juntos somos fortíssimos! 

0 comentários:

Enviar um comentário